Abstinência Alcoólica

A abstinência alcoólica gera diversas consequências quando é interrompido o uso do álcool. Os sintomas decorrentes da interrupção do consumo do álcool são percebidas a partir de 4 a 12 horas após o último consumo na corrente sanguínea, uma das fases dos sintomas de abstinência são insônia, ansiedade, irritabilidade.

A segunda fase após 24 horas de abstinência alcoólica determina um quadro mais acentuado e grave, trazendo sintomas mais efetivos e perigosos a saúde do alcoolista como hiperatividade autonômica (suor e taquicardia), aumento do tremor das mãos, náuseas e vômitos, alucinações auditivas, agitação psicomotora, convulsões.

É importante salientarmos que a internação de um dependente de álcool é necessária para o sucesso do tratamento por ser necessário interromper o uso do álcool.

A retirada do álcool do organismo gera diversos sintomas e dificuldades que somente a observação e acompanhamento profissional darão sustentação e segurança ao paciente e seus familiares caso o alcoolista passe por síndrome de abstinência aguda.

Este acompanhamento ao alcoolista é para que ele tenha o menor desconforto possível com esta mudança tão drástica em seu meio de vida. O tratamento e acompanhamento profissional dos colaboradores da Clínica de Recuperação de Alcoólatras, irá amenizar o desconforto da falta do álcool não somente no organismo mas também na vida em todas as esferas do alcoólatra, atendimentos psicoterapêuticos individuais, atendimento de enfermeiros e o acolhimento e um ambiente saudável vão fazer com que o tratamento de alcoolismo seja um sucesso e de condições de uma nova vida para o paciente.


 

Venha conhecer a CTES, nossa equipe apoia sua mudança! Ou solicite agora o tratamento e tenha maiores informações, pela nossa Central de Atendimento ou nos envie um e-mail em nossa página de Contatos.